31 de jan de 2011

Diversão na festa .. parte I


Oi meninas... desistimos das listras. Apesar
de achar fofo de morrer, escolhemos um modelo completamente diferente.

o Wagner do Oficio convites continua me surpreendendo com modelos lindos. Estou aguardando o e-mail com o orçamento, mas depois coloco um post só para o convite escolhido.

Hoje vou começar uma sequencia de post sobre varias coisinhas para animar a festa / recepçao do casamento. Espero que gostem.

Primeiro vamos falar do mais tradicional dos itens: NOIVA JOGANDO O BUQUE


O buquê da noiva sempre está relacionado com a personalidade da moça, a decoração do evento e o estilo do
casamento.

Mas muito mais que isso, o buque é um momento muito divertido da festa. As solteiras se acotovelando em busca de um buquezinho, bem ... na verdade em busca da esperança de um casamento próximo.

O acontecimento deve ser bem espontâneo. Procurem uma música bem legal para o momento. Pensem em brincadeiras para fazer na hora, o Dj ajuda nessas horas. Mas nada de chamar no microfone aquela tia encalhada, e ficar gritando seu nome (nem todos veem isso como brincadeira).

Algumas noivas decidem fazer um buque com várias flores soltas, ai, quando a noiva joga o buque, ele se desfaz e várias solteiras pega um pedacinho dele. É bem legal também a idéia.

Bom, já vi a noiva jogando o buque da dama mas não acho que é a mesma coisa. Acho legal quando joga o buque de verdade. Se você não quiser ou for precisar dele depois poara tirar as fotos, uma sugestão é jogar um sapinho, ou Sapuque.

A noiva pode jogar antes ou depois do buquê um sapo de pelúcia. Simbolizando, para a solteira que pegar, que aquele sapo se transformará em um principe. Ou entregar para aquelas que não pegarem o buquê um sapinho pequeno (se sabonete, chaveiro,...) para que elas encontrem seus prícipes.

O que não pode deixar de ter é o momento das "solteiras" todos se divertem.

Um comentário:

Casa da Márcia disse...

Legal, no casamento ia jogar um sapo mas não achei!!! Os que achei não gostei.......
Beijos